Cancro do pulmão - sintomas

pulmõesO cancro de pulmão é um dos cancros mais comuns entre homens e mulheres nos países europeus.

"Fumar cigarros é o fator de risco maior para cancro de pulmão, responsável por cerca de 90 por cento de todos os casos. Se você fuma apenas um cigarro por dia, você tem três vezes mais riscos de ter cancro de pulmão do que um não-fumante. Se você fuma mais de 20 cigarros por dia, são 20 vezes mais propensos a ter cancro de pulmão do que um não-fumante", afirma Mark McBride, diretor do Serviço Público de Saúde da Irlanda do Norte.

"Usar outros tipos de produtos do tabaco, como charutos, cachimbo e tabaco de mascar também aumenta o risco de desenvolver cancro de pulmão", acrescentou aquele clínico.

Se fuma vale sempre a pena desistir. Cada ano que não fuma, o risco de contrair doenças graves como o cancro de pulmão começa a diminuir. Depois de 10 anos de não fumar, as chances de desenvolver cancro de pulmão cai para a metade num fumador.

É também vital que, para quem pensa que pode ter sintomas de cancro de pulmão, consulte o seu médico de imediato, tal como fazer o diagnóstico precoce de cancro de pulmão e estar ciente que os sinais são cruciais para salvar vidas. Os sintomas podem incluir:

  • uma tosse persistente,
  • uma mudança repentina na tosse que teve por um longo tempo,
  • perda de peso inexplicada,
  • falta de ar,
  • dor no peito - esta é geralmente intermitente (stop-start) e é muitas vezes pior quando respirar ou tossir,
  • tosse com sangue manchado de catarro.

Mark explicou: "Os fumadores devem estar cientes dos sintomas do cancro de pulmão e, se você está tendo algum destes sintomas, deve consultar o seu médico com urgência".

Se fuma, nunca é tarde demais para parar de fumar, mas quanto mais cedo parar, melhor!

 

fonte: www.want2stop.info 

 

 

 

Partilha